eGrupos Logo
Inicio > Mi Página > Mis Grupos > redluzargentina > Mensajes

 Índice de Mensajes 
 Mensajes 1621 al 1650 
AsuntoAutor
Cumpleaños del Mae Ricardo
DOS NOTICIAS DE CL Ricardo
El Despertar Cuánt Susana P
El Despertar Cuánt Susana P
Faros Luz 15 Abril Graciela
Onda encantada de Alicia Y
"Que la energìa de Alicia Y
Dana Tir - Activid Alicia Y
¿Qué Pasa con el P Graciela
KIRAEL - VATICINAN Graciela
Conferencia de Mar Ricardo
Conferencia de Mar Ricardo
Conferencia de Mar Ricardo
Conferencia de Mar Ricardo
Tanatología: "Comp Ricardo
Fw: Kryon en Bueno Susana P
Así florecerán tus Alicia Y
Cruz cósmica del m Alicia Y
Gap - Voces del Pa Amira
Sitio nuevo: Budis Alicia Y
Faros de Luz - El Susana P
Kryon en las Nacio Susana P
Fwd: (Grialnet) El Alicia Y
Julio. Agua y Frec Alicia Y
Re: Al MODERADOR d Alicia Y
Al reencuentro de Alicia Y
Niños y adultos In Alicia Y
Temazcal, transmut Alicia Y
Invitacion al Año Ricardo
Invitación para pa Ricardo
 << 30 ant. | 30 sig. >>
 
RedLuz Argentina

Mostrando mensaje 1614     < Anterior | Siguiente >
Responder a este mensaje
Asunto:[redluzargentina] Derecho Soberano de Bolivia / Manifiesto de la Red Jubileu
Fecha:Sabado, 20 de Mayo, 2006  22:32:24 (-0500)
Autor:Ricardo Ocampo <redluz @...............mx>

From: "Jose Luis Gutierrez Lozano" <meshico_33@hotmail.com> 
Date: Sat, 06 May 2006 17:53:13 -0000 
To: economialternativa@gruposyahoo.com 
Subject: [economialternativa] Derecho Soberano de Bolivia/Manifiesto de la 
Red Jubileu 
 
 
 
Hola, 
Nuestro querido amigo y connotado promotor de las redes 
internacionales de economía solidaria Marcos Arruda, de PACS – 
Instituto Políticas Alternativas para o Cone Sul, nos envía el 
manifiesto que copio a continuación. 
Se pretende con ello lograr la adhesión de entidades, redes y foros 
de iberoamérica al propósito de reflejar y hacer público un enfoque 
diferente respecto a lo que se ha estado difundiendo en los medios 
masivos de comunicación respecto a la política de defensa de sus 
recursos naturales que ha adoptado el gobierno de Bolivia. Esto en 
el marco de los esfuerzos por formar una globalidad comercial y 
cultural diferente a la que implica el ALCA. 
 
 
Quienes quieran suscribir su adhesión y/o comunicar su sentir con 
respecto a este tema, aún en contra del mismo, pueden escribir a 
jubileubrasil @ terra.com.br (nota: copiar esta dirección sin los 
espacios) 
 
Los compañeros brasileiros solicitan que las adhesiones se den a mas 
tardar 9 de mayo) de manera que pueda reflejarse el resultado en el 
marco mediático alrededor de las reuniones de los presidentes de la 
región. 
 
Saludos 
José Luis Gutiérrez ( 
(Abraços, Marcos Arruda - PACS) 
 
Novo endereço e telefone: 
RUA ABOLIÇÃO, 227  
2º ANDAR – BAIRRO BELA VISTA 
CEP 01319-010 SÃO PAULO/SP 
FONE: 0XX11 3112 1524 
FAX: 0XX11 3105 9702 
 
Manifesto da Rede Jubileu Sul/Brasil e Campanha Brasileira contra a 
ALCA/OMC – maio de 2006 (para comentários e sugestões) 
 
  
A BOLÍVIA TEM DIREITO À SOBERANIA SOBRE SUAS RIQUEZAS! 
 
  
A Rede Jubileu Sul Brasil e a Campanha Brasileira Contra a ALCA/OMC 
reconhecem o direito do povo boliviano de controlar suas riquezas 
naturais e de iniciar, com o governo Evo Morales, a reconstrução da 
sua identidade nacional e popular! A soberania não se discute, se 
respeita! 
  
 
Durante cinco séculos os bolivianos sofreram a sangria de seus 
recursos naturais não renováveis pelas potências coloniais e 
imperiais. Os minerais preciosos foram levados pela Europa para 
enriquecer suas nações e financiar suas guerras fratricidas. O 
estanho foi levado como matéria-prima para produtos industriais da 
Europa e dos EUA. Ficaram os buracos, a pobreza e o esquecimento. 
  
 
O Presidente Evo Morales, com o apoio maciço da população, decretou 
a nacionalização dos campos e das refinarias estrangeiras na 
Bolívia. O que havia prometido, e já havia anunciado ao mundo 
inteiro, ele cumpriu. Meio século depois do Brasil, a Bolívia 
nacionaliza suas riquezas energéticas. Por que não reconhecer para a 
nação irmã o direito que reivindicamos como legítimo para nós e que 
deu origem à nossa maior estatal, a Petrobrás? Hoje a riqueza 
natural boliviana está praticamente reduzida ao petróleo e ao gás 
natural. E, por obra e graça da atividade predatória dos países 
ricos, a Bolívia é hoje o país mais empobrecido da América do Sul. 
 
 
No afã de atacar esta decisão, a mídia brasileira finge ignorar a 
diferença entre nacionalização e expropriação. A vitória eleitoral 
de Morales foi significativa e ele se sente comprometido com a 
emancipação do povo que o elegeu. Seu gesto precisa ser entendido 
como um cumprimento de promessa, uma ação simbólica que visa mostrar 
ao povo e ao mundo que a Bolívia vai recuperar o controle sobre seu 
próprio destino e vai ter seu próprio projeto de desenvolvimento! 
 
 
No Brasil, a mídia e a ampla gama de políticos de direita vai ao 
ataque. Há alguns anos, a sociedade organizada fez campanha contra o 
gasoduto Brasil-Bolívia. Eram anos de Itamar presidente. Um 
argumento vigoroso era a ameaça ambiental que o duto representava. 
Mas havia outro argumento. As grandes transnacionais dos 
combustíveis – Amoco-Chevron, Total, Repsol, BP, queriam garantir 
ganhos transferindo despesas da construção do duto para a Petrobrás. 
Apesar das evidências de mau negócio que o gasoduto representaria 
para o Brasil, foram impostos à Petrobrás o custo da construção, o 
risco cambial, a cláusula take-or-pay e a obrigação de compra de gás 
por US$ 60 por kwh para a venda por apenas US$ 4. A imprensa, na 
época, aplaudiu. E o prejuízo de então foi muito maior do que o que 
a mesma imprensa acena agora em consequência da decisão do governo 
Morales. Por que é que a imprensa foi conivente, então, e hoje 
vocifera contra a Bolívia – seria por um subito acesso de 
nacionalismo?  
  
 
Ao contrário. Trata-se de defender os ganhos de uma empresa estatal – 
 a Petrobrás – cujas ações são hoje controladas  por acionistas 
privados dos EUA na proporção de 60%, sendo 49% de estadunidenses e 
11% de testas-de-ferro no Brasil. Fruto do criminoso gesto do então- 
presidente Cardoso, ao assinar a Lei n. 9478/1997, que emenda a 
Constituição de 1988, quebrando o monopólio estatal e concedendo a 
empresas vencedoras de licitação de exploração de jazidas a 
propriedade do produto bruto e o direito de exportá-lo. Esta Lei 
também permite a venda de ações da Petrobrás a estrangeiros. Em 
tempos de crescente demanda internacional e escassez sempre maior 
deste produto, é irracional do ponto de vista estratégico que o 
Brasil esteja renunciando ao controle sobre seu petróleo e sobre sua 
comercialização. O mesmo podemos dizer da Companhia Vale do Rio 
Doce, privatizada pelo mesmo presidente Cardoso, em meio a ruidoso 
escândalo, por um valor cerca de 10 vezes inferior ao seu valor 
corrente de mercado, e muitas vezes mais em relação ao valor das 
suas reservas minerais. 
  
 
O presidente Evo Morales mostra firmeza ao cumprir sua promessa de 
campanha: reaver o controle sobre os recursos naturais do seu país. 
Ele dá seguimento às lutas dos movimentos sociais pela reconquista 
do controle sobre suas águas, e ao seu compromisso de convocar uma 
Assembléia Constituinte e de nacionalizar os combustíveis fósseis 
bolivianos. A negociação com as empresas afetadas está certamente na 
sua agenda. Morales insiste que não houve nem haverá confisco, mas 
sim sociedade com parceiros de outros países tendo em vista o 
projeto de uma Bolívia das bolivianas e dos bolivianos. A parte 
minoritária do controle acionário dessas empresas permanecerá em 
mãos dos parceiros estrangeiros, a começar pela Petrobrás. Mas essa 
negociação se fará a partir de uma clara posição soberana por parte 
da Bolívia.  
 
  
Está criado o contexto para acordos que, talvez pela primeira vez na 
história recente daquele país, virão beneficiar as duas partes sem 
prejuízo da que é economicamente mais fraca. Gesto do passado, como 
dizem os jornais? Antes, gesto do futuro, um futuro cuja aurora se 
anuncia em vários rincões desta América do Sul historicamente 
sangrada.  
 
  
Que o Brasil, e os outros países da região, compreendam o 
significado emancipador do gesto do governo Morales! Que aproveitem 
a ocasião para aprofundar seus laços de integração, construindo com 
firmeza uma integração solidária do Cone Sul, criando e ampliando 
gradualmente a integração energética do continente, e levando 
adiante com firmeza e coragem a construção solidária de uma 
comunidade sul-americana baseado no respeito à diversidade cultural, 
na cooperação e na solidariedade. 
 
 
3 de maio de 2006 
 
  
Rede Jubileu Brasil 
Campanha Nacional Contra a ALCA 
PACS – Instituto Políticas Alternativas para o Cone Sul 
 
 
Fuente: 
FORO SOBRE SOCIOECONOMIA SOLIDARIA, NUEVA ECONOMIA FRATERNAL  /  Conéctate 
escribiendo a economialternativa-subscribe@yahoogroups.com / 
http://espanol.groups.yahoo.com/group/economialternativa/ 
---------------------------- 
Somos miembros de la Red Iberoamericana de Luz 
redluz-alta@elistas.net 
http://www.mind-surf.net/redluz.htm 
------------------------------ 
Instrucciones en español 
http://help.yahoo.com/help/e1/ 
Ayuda de información de cuenta: 
http://help.yahoo.com/help/e1/acct/ 
http://groups.yahoo.com/memwiz 
----------------------- 
VII ENCUENTRO REDLUZ INTERCONTINENTAL 
IV Encuentro de la Red Mexicana de Conciencia 
II Foro Internacional INTRAMÍ en Medicina Integrativa 
Aguascalientes, Ags, México. 
Julio 28-30, 2006 
Registra desde hoy tu ponencia o taller y participa en las mesas virtuales: 
http://www.redconciencia.org.mx/foros 
Email: intrami_ags@yahoo.com.mx * intrami@hotmail.com 
---------------------------   
 
-~--------------------------------------------------------------------~-
-~--------------------------------------------------------------------~-
SYSNET - Servicios y Soluciones Web
Dominios, Hosting y Diseño Web Personalizado
Mantenimiento y actualización de Webs.
CLIC AQUI ==>> http://www.elistas.net/pr/579
--~------------------------------------------------------------------~--

 
-~--------------------------------------------------------------------~-
-~--------------------------------------------------------------------~-
SYSNET - Servicios y Soluciones Web
Dominios, Hosting y Diseño Web Personalizado
Mantenimiento y actualización de Webs.
CLIC AQUI ==>> http://www.elistas.net/pr/579
--~------------------------------------------------------------------~--

         Compra o vende de manera diferente en www.egrupos.net 
 

Inicio | Apúntate | Bazar | Grupos | Gente | Quienes somos | Privacidad de Datos | Contacta

eGrupos is a service of AR Networks
Copyright © 1999-2004 AR Networks, All Rights Reserved
Terms of Service